Saiba como cuidar de suas tatuagens - Joana D'arc

Destaques

Adsense (Abaixo do Cabeçalho)

Adsense (Início dos Posts)

11 janeiro 2018

Saiba como cuidar de suas tatuagens

Especialista explica todos os passos para manter as tatuagens sempre bonitas e quais erros devem ser evitados nos cuidados com ela.


Tatuagens podem fazer maravilhas pela autoconfiança, estética e individualidade. Já ficou para trás, há algum tempo, o preconceito que envolvia esses desenhos. Atualmente, é muito comum encontrar tatuagens das mais variadas, nos mais diversos nichos da população. No entanto, muitas vezes, as pessoas esquecem que, como qualquer outra parte do corpo, a tatuagem também demanda atenção e cuidados para que continue bonita por bastante tempo. E para que isso aconteça é essencial saber algumas coisas.
“O sol realmente sempre será o inimigo número 1 da tatuagem. Ele queima os pigmentos mais claros, ofusca os mais escuros, dilata os traços do desenho feito na pele, principalmente quando exposto em excesso e repetidamente. Além disso, oxida os pigmentos que têm óxido de titânio, como o branco e marfim, e provoca relevos na pele, quando os traços são mais grossos e profundos”, explica o tatuador e empresário do estúdio Hell Tattoo, Giancarlo Pincelli. Para evitar todos esses danos, não tem jeito: tem que usar bloqueadores solares regularmente. “Os produtos específicos, que prometem reavivar as cores da tatuagem não são efetivos. A melhor maneira de manter o desenho bonito é utilizando o bloqueador mesmo”, diz o especialista.


Outro erro muito comum, segundo o tatuador, é não seguir as recomendações feitas pelo profissional que fez a tatuagem, como usar uma pomada cicatrizante pelo tempo necessário, utilizar bloqueadores solares somente depois da cicatrização e hidratar. A má alimentação também influencia no resultado final da tatuagem. Outra coisa importante a observar é a região tatuada. “Não aconselhamos fazer desenhos em regiões como dedos, laterais dos pés e mãos e também na palma. Essas áreas descamam constantemente, pois o atrito é muito forte. Isso faz com que o pigmento não se fixe totalmente na pele. Cerca de 90% das pessoas que tatuam essas regiões precisam depois fazer retoque ou não ficam satisfeitas com o resultado”, detalha o tatuador.
Ele explica que algumas tatuagens, especificamente, tendem a deixar a pele mais vulnerável. É o caso das tatuagens que necessitam de coberturas muito escuras, pois elas demandam maior concentração de pigmento para poder cobrir toda região, o que pode deixar a pele com pequenas alterações. “Para evitar isso, o recomendável é fazer um intervalo grande entre uma sessão e outra para que a pele possa descansar e recuperar a elasticidade”, diz.


Entre os principais cuidados a serem adotados para que a tatuagem siga bonita, viva e cheia de personalidade, estão:



- Contratar um tatuador de confiança que seja especialista no tipo de tatuagem escolhida;

- Ouvir atentamente o especialista, pois ele tem todo o conhecimento técnico sobre o pigmento que aplicou, os retoques e a fase de cicatrização;

- Não coçar, nem tirar casquinhas da tatuagem;

- Hidratar bem a região;

- Usar pomada cicatrizante, quando a tatuagem é recente;

- Seguir à risca a dieta recomendada, pelo menos por 1 semana, evitando carne de porco, alimentos gordurosos, peixes e frutos do mar;

- Não expor a tatuagem ao sol, durante os primeiros 30 dias. Depois disso criar o hábito de utilizar bloqueador solar de proteção máxima, fator 50, no mínimo;

- Ficar de olho em sinais, como vermelhidão, alterações na textura da pele, eritemas contínuos após 10 dias, coceira intensa no local, latejamento a temperatura elevada na área, após 1 semana do procedimento. Tais sintomas podem ser sinal de inflamação ou alguma reação alérgica ao pigmento. 



Adsense (Final dos Posts)