23 setembro 2018

Top 3 de dicas para fugir do trânsito e melhorar a mobilidade urbana


Não é segredo que o trânsito na hora do rush é insuportável nos grandes centros urbanos. São Paulo é ótimo exemplo disso. Embora uma pesquisa da Rede Nossa São Paulo, lançada neste mês, revele uma queda de 10 minutos no período de deslocamento diário dos paulistanos, as pessoas ainda passam, em média, 2h43 por dia no trânsito pela cidade.
Conviver com os congestionamentos gera um impacto negativo na saúde das pessoas. Um estudo de 2012, realizado pela Universidade de Washington em St. Louis, observou que longos trajetos consomem tempo de exercício físico. Por isso, são associados ao sobrepeso, baixos níveis de condicionamento físico e maior pressão arterial — todos fortes causadores de doença cardíaca, diabetes e alguns tipos de câncer.
Mas há boas notícias. Hoje, é possível encontrar algumas alternativas que podem melhorar o deslocamento das pessoas e seu bem-estar geral.

1) Comece a pedalar

No Brasil, já circulam mais bicicletas do que carros (70 milhões vs. 50 milhões, respectivamente), segundo o IBGE e a Abraciclo. A Organização das Nações Unidas (ONU) diz, ainda, que a bicicleta é o transporte ecologicamente mais sustentável do planeta. Fora isso, há uma grande melhora na saúde quando se pedala uma hora por dia, gerando benefícios como perda de peso, melhora do sistema cardiorrespiratório e controle de doenças como a diabetes, colesterol, estresse e ansiedade.

2) Compartilhe o carro

O compartilhamento de carros é uma tendência mundial. Uma vantagem óbvia é a melhora no trânsito com a redução de veículos nas ruas. Outro benefício é a redução de poluentes no ar. Cidades que iniciaram medidas para reduzir o uso de automóveis - como Paris, por exemplo - observaram uma melhora na qualidade do ar.

3) Passe pelo trânsito voando

As viagens aéreas nos centros urbanos já são uma realidade. A Voom criou uma tecnologia de “pooling” que permite oferecer o serviço de helicóptero mais acessível de São Paulo, com valores até 80% menores do que os de serviços de helicóptero tradicionais - o custo aproximado de um serviço de carro particular. Como uma plataforma de reserva de voos sob demanda, a Voom combina tecnologia com uma frota existente de veículos aéreos seguros, confiáveis e regulamentados pela Anac. “A Voom está democratizando as viagens de helicóptero nas cidades mais congestionadas do mundo, começando por São Paulo e pela Cidade do México”, afirma Uma Subramanian, CEO da Voom.
Visando ajudar a melhorar a mobilidade urbana em São Paulo, a Voom está oferecendo o código MOBILIDADEURBANA, que oferece 20% de desconto em qualquer voo na cidade até o dia 25 de setembro. Para reservar a viagem com a Voom, acesse www.voom.flights, escolha o melhor dia e horário para voar e o seu destino preferido. A Voom voa para 9 helipontos por toda a cidade, entre 7h e 20h, de segunda a sexta e, aos sábados, das 10h às 16h. Os passageiros podem reservar uma viagem e decolar em apenas 60 minutos ou planejar a viagem com até 7 dias de antecedência.

Sobre a Voom

A marca desenvolveu uma plataforma que faz com que os sonhos dos passageiros e viajantes se tornem realidade - sobrevoar o trânsito com um simples toque de um botão. Não é segredo para ninguém que o horário de pico no trânsito é mais que um incômodo para os passageiros. O trânsito custa bilhões de dólares por ano para as economias locais e causa um impacto negativo na saúde das populações. O congestionamento é uma importante questão global que só tende a piorar devido ao grande crescimento populacional. Felizmente, a Voom tem a solução para os dias de hoje – um serviço sob demanda que conecta passageiros a um assento livre em um helicóptero em questão de minutos. A Voom está enriquecendo a rotina de viajantes ao proporcionar uma melhoria em seus deslocamentos diários. A Voom, empresa subsidiaria que pertence à Airbus Helicópteros, foi lançada em 2016, e atualmente está disponível em São Paulo (Brasil) e na Cidade do México (México), e será lançado em outras cidades ao redor do mundo ao longo de 2018 e além. Para saber mais sobre o serviço, visite o site www.voom.flights ou nos siga no Twitter, no Facebook e no Instagram.



Leia Mais ››

22 setembro 2018

9 atitudes simples que podem contribuir com o meio ambiente


O cuidado com o meio ambiente é fundamental em um cenário no qual o aquecimento global somado aos novos comportamentos de consumo tem feito com que o ecossistema seja cada vez mais prejudicado.
Dessa forma, todas as pessoas podem tomar algumas atitudes simples com o objetivo de reduzir o impacto danoso ao meio ambiente, contribuindo significativamente para uma melhora ambiental e também social.
Quanto mais o comportamento humano prejudica a natureza, menos qualidade de vida é possível obter vivendo nas cidades, com a alimentação e no dia a dia de forma geral.
Ao mudar as atividades cotidianas com o objetivo de beneficiar o meio ambiente, as melhorias obtidas estendem-se ao dia a dia. Confira a seguir 9 atitudes que podem ser tomadas para alcançar essa meta.

1. Reduza o uso de produtos descartáveis de plástico

Um dos costumes mais frequentes e que causam danos mais significativos ao meio ambiente é o uso exagerado de produtos descartáveis de plástico. Existem diversos itens que entram nessa categoria e podem ser substituídos por opções mais sustentáveis.
Um exemplo é o canudinho plástico que já têm sido banido em diversas cidades e por empresa devido aos prejuízos causados ao meio ambiente. A opção por um canudo de papel, por exemplo, reduz a agressão.
Entre os demais itens que podem ser substituídos por versões de papel, vidro, alumínio ou outras estão os copos plásticos, pratinhos e itens de festa, embalagens e outros.

2. Opte por ecobags

Outro item que plástico que prejudica imensamente o meio ambiente e é responsável pela poluição de rios e mares são as sacolas plásticas, pois elas demoram até 500 anos para decompor-se.
No Brasil, a média é cada pessoa utilize cerca de 800 sacolas plásticas anualmente, mas diversos movimentos já mobilizam sobre os problemas dessa opção. Uma alternativa é substituir pelas ecobags, que são mais resistentes e são sustentáveis.
Assim, sempre que for ao supermercado ou fazer compras, lembre-se de levar sua própria sacola reutilizável.

3. Separe o lixo de casa – e recicle

Uma atitude muito importante para contribuir com o meio ambiente é realizar a separação do lixo orgânico e não orgânico em casa e também separar os itens que podem ser reciclados, dando o destino correto para esse lixo.
Essa escolha pode ser feita em casa, no trabalho, nas escolas e em outros espaços que você frequenta. Realizando a separação correta dos itens e destinando-os para a coleta seletiva, poupa-se o meio ambiente.

4. Não jogue óleo na pia

Uma atitude muito comum nas casas em geral é jogar óleo usado na pia. O problema é que os filtros dos sistemas de esgoto não são capazes de filtrar o óleo e ele chega ao meio ambiente. Um litro de óleo pode contaminar 1 milhão de litros de água.
Portanto, o correto é juntar o óleo de cozinha usado em garrafas PET e procurar uma organização que faz a coleta desse material que pode ser transformado em biodiesel, sabão ou detergente.

5. Use transporte público

Em alguns casos usar um carro particular é mais confortável, entretanto, no dia a dia tente usar o transporte público ou bicicleta com mais frequência para se locomover.
Quanto mais carros nas ruas, mais há emissão de gás carbônico que afeta na poluição das cidades. Assim, reduzir o uso do carro ajuda no meio ambiente e também a diminuir o trânsito.

6. Reduza o uso de água

O uso consciente da água está entre as dicas mais importantes para contribuir com o meio ambiente, afinal, a água potável é um bem limitado. Existem várias formas de rever o uso de água em casa, como demorar menos no banho, verificar vazamentos e outras.
Um exemplo é escovar os dentes. Cinco minutos com a torneira aberta causa o desperdício de 12 litros de água. Entretanto, você pode abrir a torneira apenas para lavar a escovar e enxaguar a boca, reduzindo o uso para menos de um litro.

7. Economize energia elétrica

A economia de energia elétrica é outra atitude que faz diferença para o meio ambiente e que pode ser adotada com facilidade em casa. Observe quais eletrônicos deixa ligado e se é sempre necessário deixá-los conectados na tomada, por exemplo.
Usar apenas um eletrônico por vez, reduzir o tempo que toma banho, desligar os aparelhos na tomada quando não for usar, apagar a luz quando não for necessário são algumas atitudes que podem ser adotadas.

8. Faça o descarte correto de eletrônicos

A quantidade de lixo eletrônico tem crescido significativamente no mundo e já chega a 50 milhões de toneladas por ano, de acordo com o Greenpeace. Dessa forma, é preciso descartar esse tipo de lixo com responsabilidade.
O descarte inadequado de pilhas e baterias, por exemplo, pode contaminar o meio ambiente e apresentar risco à saúde das pessoas que entrarem em contato com esses materiais. Assim, o sempre realize o descarte desses itens em locais de coleta adequada.

9. Mantenha bons hábitos dentro e fora de casa

É importante lembrar que o cuidado com o meio ambiente deve ocorrer dentro e fora de casa. Por exemplo, se você está na rua, num parque, praça ou afins, não jogue o lixo no chão. Caso não encontre uma lixeira próxima, guarde com você até encontrar.
Em casa também é possível melhorar os hábitos reduzindo o uso de energia e água, separando o lixo e cuidando do ambiente. Uma forma de melhorar a qualidade do ar dentro de casa, por exemplo, é optar pelo uso de um purificador de ar que elimina o excesso de poeira, germes e fungos do ar.
Adotando todas essas dicas no seu dia a dia você garante muito mais comprometimento com um meio ambiente sustentável, além de ter mais qualidade de vida.



Leia Mais ››

21 setembro 2018

90 ANOS DE MICKEY MOUSE: CONHEÇA 10 CURIOSIDADES SOBRE O PERSONAGEM


Passaram-se 90 anos desde sua criação e Mickey Mouse continua vivo na memória de crianças e adultos ao redor do mundo, e é a franquia número 1 da The Walt Disney Company.

Em seu nonagésimo aniversário, confira algumas curiosidades do personagem mais icônico do mundo:

1. No início, o personagem principal de Walt Disney não era Mickey...

E sim Oswald, o coelho sortudo. Walt Disney acreditava que o personagem seria um sucesso, mas em uma viagem para tentar conseguir dinheiro para a produção, os investidores deram uma resposta negativa e, como os direitos autorais do personagem pertenciam a eles, assumiram o controle do personagem.


2. O primeiro nome de Mickey Mouse, na verdade era...

Mortimer! Após a reunião com os investidores de Oswald, Walt Disney e sua esposa voltaram a Los Angeles em um trem onde, Walt passou o tempo criando um ratinho alegre e com grandes orelhas redondas.

3. O nome "Mickey" foi sugerido por outra pessoa

Lillian, esposa de Walt, achou o nome Mortimer muito pretensioso e sugeriu Mickey. A partir daí, nascia um astro!



4. Nem tudo foi sucesso no começo!

Após criar o personagem, Walt Disney começou a trabalhar imediatamente no primeiro desenho animado de Mickey Mouse: Plane Crazy. O entusiasmo desapareceu quando nenhum distribuidor quis comprar o filme. Em sua segunda tentativa, Walt produziu outro desenho animado mudo intitulado Mickey, The Gallopin' Gaucho, porém a Warner Bros. havia iniciado os filmes falados.


5. A estreia de Mickey Mouse nos cinemas foi um grande marco...

Com Steamboat Willie, Mickey Mouse fez sua estreia nas telas de cinema em 18 de novembro de 1928, no Colony Theatre de Nova York, como o astro do primeiro desenho animado com som sincronizado.


6. As primeiras palavras de Mickey foram...

"Hot Dog! Hot Dog!", a fala faz parte do curta-metragem The Karnival Kid (1929). Daquele momento em diante, na maioria dos curtas de Mickey durante a Segunda Guerra Mundial foi o próprio Walt Disney que deu voz a Mickey.


7. Mickey Mouse possui nomes diferentes em alguns idiomas

Apesar do nome Mickey Mouse ser conhecido no mundo todo, em italiano, é chamado de Topolino; em alemão, é o Micky Maus; em espanhol, Raton Mickey; em sueco, Musse Pigg; e em mandarim, Mi Lao Shu.



8. Mickey participou da cerimônia do Oscar duas vezes

Em 1998, o personagem subiu ao palco para entregar um envelope ao ator Tom Selleck. Já em 2003, Mickey voltou a aparecer na cerimônia como animação ao lado da atriz Jennifer Garner.



9. Mickey Mouse chegou à televisão em 1950

Nesta década, Walt produziu um especial de Natal para televisão chamado "One Hour in Wonderland". O desenho clássico Relojoeiros das Alturas (1937) também foi apresentado como parte das comemorações de fim de ano.


10. Mickey Mouse foi o primeiro personagem de desenhos animados a ser amplamente licenciado

O primeiro livro de Mickey Mouse foi publicado em 1930 e a Ingersoll Watch Company produziu o primeiro relógio do Mickey em 1933.



Leia Mais ››

Centro Comercial Aricanduva atende mais de 2 mil pessoas na 17ª edição do Mutirão da Catarata


Na 17ª edição do Mutirão da Catarata, considerada a maior ação de saúde ocular da Zona Leste de São Paulo e promovida pelo Centro Comercial Aricanduva, foram atendidas mais de 2 mil pessoas, em atendimentos voltados à recuperação da visão. O evento foi realizado no estacionamento do Shopping Interlar Aricanduva e reuniu cerca de 5 mil pessoas, incluindo pacientes, acompanhantes e voluntários.
Com estrutura adequada para atender o público em geral, com cadeira de rodas, banheiros químicos e distribuição de lanches, a ação possibilitou aos participantes com baixa visão e, preferencialmente, com laudo médico positivo à catarata o agendamento de cirurgias e exames pré-operatórios. Neste ano, a iniciativa promovida pelo maior centro de compras e entretenimento da América Latina contou com a participação de 400 voluntários, entre estudantes da área da saúde, médicos, enfermeiros e escoteiros.

De acordo com o médico oftalmologista, Dr. Jefferson Barreiro, integrante do Conselho Brasileiro de Oftalmologia e um dos idealizadores do Mutirão, a catarata é a maior causa de cegueira reversível do mundo, atingindo milhões de pessoas, especialmente o público acima dos 50 anos. “A principal causa da doença é a senilidade, que acomete cerca de 90% dos pacientes. Já os outros 10% integram a parcela que possui traumas oculares, inflamações, entre outras enfermidades”, explica o especialista.
Participaram da ação 35 médicos oftalmologistas voluntários. “No espaço reservado à realização de exames, tivemos equipamentos de ponta para diagnosticar a catarata e outras patologias, como biomicroscópios de lâmpada de fenda e ultrassons oculares. Sou muito grato por acompanhar o Mutirão desde a primeira edição e ajudar tantos pacientes”, complementa o Dr. Barreiro. 
Ao final do evento, foram agendadas 945 cirurgias gratuitas, considerada, em alguns casos, a necessidade de operação da segunda vista. Outro destaque do Mutirão ficou por conta da empresa Jamef Ecomendas Urgentes, responsável pela logística de transporte de todos os equipamentos oftalmológicos utilizados na ação.
Reconhecimento à iniciativa. Diante da importância da ação para a região Leste de São Paulo, o Mutirão da Catarata já foi premiado pela Fundação Getulio Vargas e pela Associação Brasileira de Shoppings Centers (Abrasce) como a melhor ação social em Shopping Centers do Brasil.
Voluntários. Centenas de voluntários se mobilizam há anos com o projeto social, a exemplo de Sandro Leandro Alves Ora, que participa desde a primeira edição. “A cada ano, notamos uma melhoria na infraestrutura. Somos imensamente gratos aos apoiadores e patrocinadores do Mutirão da Catarata, que sempre estiveram ao nosso lado nessa causa. Não posso deixar de lembrar dos escoteiros, estudantes, médicos, enfermeiros e o corpo de bombeiros, todos envolvidos nesta ação tão nobre”, ressalta Ora.
Atualmente, a catarata afeta cerca de 46 milhões de pessoas e, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), a doença pode ser congênita ou adquirida e o único tratamento efetivo é a intervenção cirúrgica. O processo de perda de visão demora anos ou meses, em um ou dois olhos. Por conta disso, o Centro Comercial Aricanduva valoriza o atendimento às necessidades patológicas da população, principalmente de pessoas em situação de vulnerabilidade social.
“É com grande satisfação que, por mais um ano, conseguimos atender com eficácia pessoas em condições de vulnerabilidade social, de diferentes regiões de São Paulo, inclusive de outras cidades e Estados”, afirma Marcos Sérgio Oliveira Novaes, Superintendente do Centro Comercial Aricanduva.


Sobre o Centro Comercial Aricanduva

O maior Shopping da América Latina está no primeiro lugar na preferência dos consumidores da Zona Leste de São Paulo, recebendo 4,5 milhões de pessoas ao mês. Com estacionamento gratuito, é formado pelo Shopping Aricanduva, Interlar Aricanduva, voltado para o segmento moveleiro, e Auto Shopping Aricanduva, especializado em automóveis, motos, acessórios e serviços. O complexo, com 1 milhão de m², possui 545 lojas, 13 concessionárias completas de veículos e motos, 13 salas de cinema, três praças de alimentação, três hipermercados, dois home centers, 1 academia, área completa de lazer e a unidade leste do Detran, do Hospital Cema e do laboratório Lavoisier Medicina Diagnóstica. Para mais informações, acesse: www.aricanduva.com.br.






Leia Mais ››

Propondo reflexões acerca do amor próprio, IV Fórum das Virtudes acontece em setembro e promove lançamento de livro sobre o tema

Com a proposta de promover a troca de experiências entre os presentes, o Fórum das Virtudes, promovido pelos Embaixadores da Prevenção (EP), chega à sua 4ª edição este ano. Focada na formação das virtudes e dos valores humanos, o evento se renova para enfatizar questões que permeiam a importância do amor próprio e o valor das ações individuais que impulsionam e transformam as ações coletivas.
“O Fórum das Virtudes é a oportunidade que temos para tirar os participantes da sua zona de conforto. A ideia, ano passado, era iniciar um movimento de mudança, e foi espetacular! Este ano nós vamos discutir o quanto esse movimento coletivo depende de uma ação individual: eu não posso creditar uma transformação a você; para que algo mude, eu preciso mudar. E partindo do princípio de que nossas ações reagem a um sentimento, nossa proposta é discutir como uma mudança individual pode se propagar como algo maior, focada no social”, comenta Sandra Sahd, fundadora da Embaixadores da Prevenção.    
A escolha do mês para a realização do IV Fórum das Virtudes foi proposital, uma vez que setembro marca o primeiro setênio da entidade, além da chegada da primavera, o que permite uma reflexão analógica do ser, do recomeçar e do florescer. “No ano passado nós impulsionamos um movimento de mudança que foi muito bem aceito pelas pessoas que participaram. Agora, com todas as nuances que a quarta edição permite trazer, a intenção é mostrar que esse é um movimento possível, necessário, mas, para funcionar coletivamente, é preciso primeiro olhar para si”, embasa Hélio Braga, coordenador pedagógico da EP.
Gratuito o Fórum das Virtudes está marcado para acontecer no dia 22 de setembro, no Teatro Artemides da Escola Salesiana São José (localizada na Av. Almeida Garret, 267, Jd. Nossa Sra. Auxiliadora), das 08h às 13h. “Esperamos todos para uma manhã de trocas, vamos descobrir juntos novas formas de mudarmos o mundo”, convida Sandra.
A programação do dia se divide entre bate-papo e reflexão, dinâmicas e intervenções artísticas, exibição da peça teatral A Bailarina (inspirado no livro de Sandra Sahd, A Menina Centopeia), além do lançamento de um livro. Vale ressaltar que o evento é aberto ao público e estudantes universitários inscritos e presentes no Fórum recebem um certificado de participação.
Viabilizado pela Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, o IV Fórum das Virtudes faz parte das ações do projeto Por um Mundo de Virtudes. Realizado pela organização social Embaixadores da Prevenção (EP) em conjunto com o Ministério da Cultura e o Governo Federal, o Fórum conta com patrocínio do Bradesco e apoio da Escola Salesiana São José.


Lançamento do livro “Gente Precisa Aprender a se Amar”


Durante o IV Fórum das Virtudes  haverá o lançamento do livro Gente precisa aprender a se amar, quarto livro não acadêmico da autora Tatiana Passos Zylberberg, que teve suas primeiras poesias publicadas em 1996. Com traços suaves preenchidos com lápis aquarela, a ilustração fica a cargo de Vera Lúcia Lefosse Pinke.
“Esse livro foi inspirado em narrativas de dor, vergonha e dificuldades de lidar com o próprio corpo. Tem uma pitada de autobiografia da menina que realmente ficava confusa sobre gostar ou não do próprio nariz. Já convivi com muita gente que não gostava das orelhas, da espessura da perna, do cabelo crespo, das espinhas na testa ou do som da própria voz. Então são muitas histórias e diferentes experiências que foram me inquietando sobre a dificuldade de amar a si mesmo e de se auto cuidar. e que agora ganham voz e forma em Gente Precisa Aprender a se Amar”, revela Tatiana, que é professora da UFC e membro da Academia Itajubense de Letras (AIL).
Sendo o amor próprio uma das virtudes fundamentais para a vida de qualquer ser humano, além de ser o primeiro contato pessoal com este sentimento, Zylberberg vem refletindo e atuando de forma constante para conscientizar e tornar reconhecida as particularidades de cada ser. “Desejo que este livro possa inspirar intervenções criativas e sensíveis para trabalhar com crianças, jovens e adultos o tema do amor próprio e da autoestima. Que possamos problematizar e refletir sobre a ditadura da magreza, os hábitos alimentares não saudáveis, a ansiedade e a angústia, a influência da mídia na imagem corporal e sobre a importância das práticas do cuidado de si”, completa a autora.
O livro será lançado no IV Fórum das Virtudes e os 100 primeiros a chegarem no evento ganharão um exemplar. Posteriormente o livro será vendido e terá parte da renda revertida para as ações da organização social Embaixadores da Prevenção, com a qual Tatiana tem forte ligação desde a fundação.



SOBRE OS EMBAIXADORES DA PREVENÇÃO

Idealizada por Sandra Sahd em 2011, a organização social foi fundada em Campinas no ano seguinte. Com o objetivo de contribuir para a formação de uma nova geração de pessoas que transforme o mundo através do sentir, pensar e fazer melhor, estimulado pelas atividades e projetos artístico-educacionais que despertam e difundem o tema das virtudes no ser humano. Até 2017, todas as ações eram realizadas em creches e instituições sem fins lucrativos da RMC (Região Metropolitana de Campinas); este ano, passa a atender também escolas estaduais da cidade.



SERVIÇO

4º FÓRUM DAS VIRTUDES – A transformação começa em mim



Quando: Sábado, 22 de setembro de 2018, das 08h às 13h

Onde: Teatro Artemides – Av. Almeida Garret, 267, Jd. Nossa Sra. Auxiliadora

(Escola Salesiana São José – Entrada pelo Portão 1)



EVENTO GRATUITO





Leia Mais ››

20 setembro 2018

Estação das flores inspira coleções Tupperware

Bela como sempre, a Primavera chegou para encantar todos os cantinhos do Brasil, com suas flores coloridas, feminilidade e delicadeza. Por que não aproveitar a estação e se inspirar na composição da mesa, os armários e até mesmo um delicioso piquenique no parque? A Tupperware apresenta produtos incríveis que embelezarão o espaço, destacando a forte tendência floral.


Confira as novidades:

Linha Ilúmina Bike

Uma tarde ao ar livre com as crianças e os amigos pede um piquenique, não é mesmo? A Linha Ilúmina Bike é uma ótima opção para levar aos parques, jardins e áreas externas, garantindo sempre a boa disposição dos alimentos.
A Jarra com capacidade para 2 litros alegra a composição da mesa, além de evitar o vazamento de bebidas. O bico levemente inclinado permite que o suco seja servido sem respigar. Para isso, basta pressionar o botão para abrir e fechar, posicionando a tampa lateralmente, com uma pequena abertura na ponta. 

Preço sugerido: R$69,00.




Os diferentes tamanhos das tigelas são ideais para levar e servir porções de frutas, biscoitos e bolos, garantindo segurança durante o transporte. Os produtos possuem encaixe perfeito na base que deixam as tigelas empilhadas e presas umas as outras.
        
Preço sugerido:

350ml - R$36,00

800ml – R$44,00


Linha Slim Flores do Campo



A Super Instantânea e a Mini Instantânea fazem parte da Linha Slim Flores do Campo, que chega toda inspirada na primavera. Com ela, a mesa ficará colorida e delicada, muito convidativa aos amigos e familiares, que se sentirão especiais com a decoração. Aposte nos detalhes! Eles realmente fazem a diferença.

Preço sugerido:

Super Instantânea 1,3l - R$58,00

Mini Instantânea 575ml – R$44,00



 Os produtos da Tupperware estão disponíveis no catálogo de vendas Vitrine 10, vigente de 12 de setembro a 09 de outubro.


Sobre a Tupperware

Presente há 42 anos no Brasil, a Tupperware Brands, líder global em produtos inovadores, atua em 86 países e conta com cerca de 3,2 milhões de Consultores no mundo. O sucesso da Tupperware está ligado ao design e à qualidade dos produtos, além das demonstrações presenciais, nas quais as Consultoras apresentam soluções práticas e inovadoras, e à excelente oportunidade de crescimento profissional. A marca já se tornou sinônimo de sua categoria devido à diversidade e à qualidade de seus produtos.



Instagram: @tupperwarebrasil


Leia Mais ››

19 setembro 2018

Dicas para não errar na hora de preparar o chá Leão Senses


Uma bebida saborosa para todos os momentos do dia, os chás para infusão são uma boa pedida para qualquer ocasião. No entanto, nem sempre os consumidores sabem a melhor maneira de preparar ou todas as possibilidades para consumir essa bebida milenar.
Sinônimo da categoria de chás no Brasil e líder de mercado, a Leão convidou a chamelier Dani Lieuthier para dar sugestões de preparação e de combinação dos dois recém-lançados blends da linha Leão Senses, Laranja, Gengibre & Pimenta Rosa e Papaia, Cenoura & Laranja.
"A combinação de ingredientes traz um equilíbrio de sabor interessante para os novos blends de Leão Senses. A harmonização dos sabores opostos, doce e ácido, é muito agradável ao paladar do brasileiro", explica a chamelier Dani Lieuthier.
Confira algumas dicas que podem fazer toda a diferença na hora de preparar os novos sabores dos chás Leão Senses:


Temperatura ideal

Para o melhor equilíbrio de sabor (doce e ácido), a recomendação é que a infusão do sachê seja feita em água com temperatura entre 80 e 90 graus, com tempo não acima de 5 minutos. É importante lembrar que se a infusão for superior a 5 minutos e a temperatura da água maior que 90 graus, o sabor da estévia se potencializa.


Combinações perfeitas

Chás e infusões aromatizados costumam ser consumidos com doces ou pães, itens tradicionais do chá da tarde ou ainda de "chá da manhã".
O blend de Laranja, Gengibre e Pimenta Rosa, por apresentar bastante picância e acidez (o sabor "azedinho" da laranja) combina muito bem com tortas e bolos cítricos, ou ainda com receitas com chocolate.
Já o blend de Papaia, Laranja e Cenoura, por ser mais doce, combina também com tortas e bolos cítricos. Ou ainda com bolos de ingredientes presentes no blend, como bolo de laranja ou bolo de cenoura.


Sucos com chás

Bastante populares entre os nutricionistas, os suchás são receitas de suco de fruta batido com chás ou infusão. O blend de Laranja, Gengibre e Pimenta Rosa pode ser utilizado em um suchá termogênico, por exemplo, em que o gengibre é sempre utilizado nesse tipo de preparação.

Chá Gelado

Para o preparo gelado, a sugestão é que seja feita a infusão concentrada (1 sachê de chá Leão Senses com meio copo de água quente), e depois batida com gelo para completar o copo. O consumidor pode ainda decorar com pedaços de frutas. É sempre bacana trabalhar com ingredientes que já estão na receita como, por exemplo, rodelas de laranja. Assim como no preparo quente, as notas de sabor no preparo gelado também ficam bem intensas.

Picolés naturais

Outra dica é o preparo concentrado de Leão Senses para congelar e preparar picolés refrescantes.


Chá à noite

Como nenhuma das novas composições possui ingredientes estimulantes, não há restrições para o consumo dos novos sabores de Leão Senses à noite, em preparações quentes ou geladas.



Leia Mais ››

Profissionais da área dão dicas para incentivar a leitura desde a primeira infância


Sabemos que as crianças aprendem muito seguindo os exemplos dos mais velhos. Por isso, é tão importante que os pais, cuidadores e professores, desde cedo, consigam inseri-las no universo amplo da leitura. Ler para uma criança amplia o universo de compreensão dela. Brincar com as palavras, incentivar a busca pelo novo, pelo conhecimento faz parte do processo de aprendizado e crescimento.
"É fundamental proporcionar experiências novas aos pequenos, e com os livros não é diferente. O quanto antes eles devem explorar todas as sensações que um livro oferece: textura, cheiro, peso e as cores", diz Ângela Aranha, proprietária da livraria Casa de Livros, que há mais de 30 anos proporciona leitura de boa qualidade aos clientes. Com isso, aos poucos, também nasce neles a consciência de preservar os exemplares. "O que mais me deixa satisfeita é ver o vínculo de afeto e cuidado que nasce nessa relação", completa.
Através das histórias lúdicas, as crianças descobrem formas, cores, movimentos, ilustrações, e a percepção de que existe vida dentro do livro. "É na primeira infância que elas começam a fazer suas escolhas, faz parte do amadurecimento infantil. Os pais devem oferecer opções diferentes para ampliar o repertório das crianças", diz Paula Medeiros, Coordenadora de Desenvolvimento do Material Didático de Português do Kumon.
Ainda de acordo com Paula, proporcionar um ambiente agradável e estimulante dentro de casa, com livros ao alcance para que possam pegar um exemplar sempre que tiverem vontade são pontos consideráveis. "Uma estante acessível já é suficiente para manter os livros ao alcance de todos". Confira abaixo, outras dicas para estimular o hábito pela leitura.

1. Ler em voz alta em família. A leitura em voz alta estimula a interação e desperta o interesse pela leitura; 
2. Falar de livros, recomendar títulos e presentear as crianças; 
3. Sugerir e não impor. Compartilhar leituras e opiniões; 
4. Organizar em casa um espaço específico para leitura, que seja atrativo e aconchegante, com almofadas, tapetes, pufes e, claro, muitos livros. A criança vai perceber como a leitura é importante e agradável ao ter um espaço reservado para essa prática; 
5. Visitar bibliotecas e livrarias para explorar e descobrir novos livros interessantes. Isso também ajuda as crianças a perceberem que um ambiente em que diversas pessoas estão lendo pode ser divertido e estimulante.


SOBRE KUMON

Criado no Japão em 1958, pelo professor Toru Kumon, o método utiliza os chamados exercícios-guia para que o aluno realize as atividades com o mínimo de intervenção do orientador. Somente após absorver totalmente a informação, avançam para os níveis subsequentes. "O aprendizado segue na simplicidade do papel e lápis. O que se escreve de próprio punho não se esquece, e é isso que faz com que o Kumon esteja em tantos países", diz Masami Furuta, presidente da empresa no Brasil. O método está presente em 50 países e reúne 4,35 milhões de estudantes. No Brasil são mais de 1.400 unidades em 550 cidades, somando mais de 160 mil alunos, dos 180 mil na América do Sul. Mais informações no site http://kumon.com.br/franquia/ ou pelo telefone 0800 728 1121.




Leia Mais ››

DOUTORA BRINQUEDOS


Quem tem criança em casa sabe: é impossível não amar a Doutora Brinquedos! A personagem do desenho infantil que conquistou os pequenos (e os adultos) ressalta os valores da família e da diversidade, nas brincadeiras de uma menina médica que dá ‘diagnósticos’ enquanto seu pai cozinha comidas saudáveis. E a aventura chega à Lona Cultural Carlos Zéfiro, em Anchieta, com a peça infantil “Doutora Brinquedos”, que será encenada no dia 23 de setembro, domingo, às 17h.
Com direção de Victor Hugo Santiago, da Paixão Produções, em cena está muita diversão, coreografias e figurino encanadores trabalhados em um cenário colorido, que as crianças amam! A aventura começa quando os brinquedos cuidados pela “doutora” resolvem comemorar o aniversário dela com uma festa surpresa. Com lembranças emocionantes os brinquedos, que chegam quebrados e foram recuperados, a menina que ensina a zelar pelas coisas que possuímos, promove um estilo de vida saudável e hábitos de higiene, terá um dia inesquecível com direito a bolo para cantar parabéns.
A série original Doutora Brinquedos foi criada e é produzida por Chris Nee,  produtora executiva do canal Disney Junior. O desenho também é exibido na Netflix. Doutora Brinquedos é uma menina de seis anos que cura brinquedos, bonecos e peluches, surgiu quando diagnosticaram asma ao pequeno. Quando a Doutora Brinquedos põe o estetoscópio, algo mágico acontece: os brinquedos ganham vida e a protagonista fala com eles, faz-lhes diagnósticos, põe-lhes pensos rápidos, cuida-lhes das feridas.
A criadora do desenho animado inspirou-se nos medos do próprio filho (Theo) que sofre com asma e inventou uma personagem que ajuda os mais pequenos a vencerem o pânico de ir ao médico. Nee conta que foram horas e horas de médicos e noites no hospital. Então, além de desejar que Theo ficasse bom, Chris Nee queria também tornar aquele tempo menos penoso para a criança. Por sua criação ela ganhou prêmios internacionais como Humanitas Prize e um Emmy.
“Quisemos explorar temas de Medicina e os medos das crianças, mas também promover hábitos de vida saudáveis, como fazer exercício e comer de forma saudável. Estas mensagens são sempre uma parte da série. Como mãe de uma criança doente, tudo o que queremos no mundo é fazer com que ela se sinta melhor, mais segura, mais confortável, com menos medo.”, explicou no Disney Junior.



Serviço

Lona Cultural Carlos Zéfiro - Estrada Marechal Alencastro, 4113 – Anchieta, Rio de Janeiro. Data: 23 de setembro (Domingo). Horário: 17h. Ingressos: R$ 10,00 (antecipado) | R$ 15,00 (no domingo, 23/09). Classificação: Livre. Capacidade: 320 lugares. Informações: 2148-0813 | lonazefiro.cultura@gmail.com


Leia Mais ››

18 setembro 2018

#MOVIMENTODOURADO: DIAGNÓSTICO PRECOCE É FUNDAMENTAL PARA O TRATAMENTO E CURA DO CÂNCER INFANTO-JUVENIL


O mês de setembro é marcado pela campanha nacional de conscientização do câncer infanto-juvenil, o Setembro Dourado, reconhecido dessa maneira como forma de lembrar que as crianças valem ouro. Em parceria com uma das mais representativas instituições brasileiras sem fins lucrativos de apoio ao tratamento do câncer infanto-juvenil, o Grupo de Apoio ao Adolescente e a Criança com Câncer (GRAACC), a Bettanin desenvolveu a campanha Movimento Dourado para reforçar a importância do diagnóstico precoce do câncer infanto-juvenil.
Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), estima-se que 12.500 crianças e adolescentes desenvolverão câncer no Brasil ao longo de 2018. A instituição aponta a prevenção como principal arma de combate à doença.
A cada minuto, uma criança é diagnosticada com câncer no mundo. No Brasil, o câncer infanto-juvenil é uma das causas de morte não acidental mais comuns. Felizmente, a doença possui cerca de 70% de chances de cura se diagnosticada precocemente.

ATENÇÃO! Muitos dos sintomas são semelhantes aos de várias doenças infantis comuns! Por isso, fique atento aos sinais da doença:

- Dores de cabeça pela manhã e vômito;
- Caroços no pescoço, axilas, virilha e ínguas que não resolvem;
- Dores nas pernas;
- Manchas arroxeadas na pele, como hematomas ou pintinhas vermelhas;
- Aumento do tamanho de barriga;
- Brilho branco em um ou nos dois olhos quando a criança sai em fotografias com flash.

Se os sintomas não desaparecerem em um prazo de 7 a 10 dias, volte ao médico e insista para obter um diagnóstico mais detalhado com exames laboratoriais e radiológicos. Saiba mais em: graacc.org.br



Leia Mais ››

JOANA D'ARC
LAYOUT POR LUSA AGÊNCIA DIGITAL