No mês da mulher, Maju Canzi fala sobre o poder feminino no zodíaco - Joana D'arc

Destaques

Adsense (Abaixo do Cabeçalho)

Adsense (Início dos Posts)

15 março 2018

No mês da mulher, Maju Canzi fala sobre o poder feminino no zodíaco

Segundo a Astróloga, todos temos em nós as energias femininas e masculinas, e é preciso desenvolver ambas para estar em equilíbrio. Para ajudar nesse desenvolvimento, ela mostra como encontrar o poder feminino no Mapa Astral.



Para a Astróloga Maju Canzi, o poder feminino no Zodíaco está conectado com a lua: “é ela que muda nosso humor constantemente, já que “passeia” pelos signos, ficando em cada um deles cerca de 2 dias e meio, modificando constantemente nossas energias emocionais”, explica ela. E a Lua, conforme enfatiza Maju, está totalmente associada à mitologia das Deusas, detentoras do poder sobre a vida e morte, e com impulsos tanto para o amor e compaixão, como para o rancor e a crueldade. “Na verdade, esses aspectos intensos das deusas e da lua mostram nossos altos e baixos como humanos, representam as qualidades boas e más, inerentes de todos nós. A lua tem 3 faces, uma branca, uma vermelha e uma negra. E esses ciclos manifestam as 3 etapas da vida: criação, preservação e morte”.
Maju explica que toda mulher nutre em si essas qualidades: “algumas são mais "criativas", outras mais "mantenedoras", e outras são profundas "transformadoras". Ao longo das fases da vida, da nossa menstruação e das buscas por independência, amor e poder aprendemos muito sobre nós mesmas, sobre os ciclos de vida-morte-vida. Afinal, a morte está associada ao renascimento, há capacidade de transformação em algo novo. Nossa vida nunca termina, e que elemento da natureza mais propício para mostrar nossos ciclos do que a Lua? Que se move com início, meio e fim todo mês, ao longo de 29 dias”.

Veja como cada face da lua está associada às deusas da mitologia (de várias partes do mundo):

Lua Branca - Deusas de Criação: Atena, Ártemis, Afrodite e Ishtar

Independentes, livres e cheias de vida, essas deusas se manifestam em nossas vidas em momentos de criação de projetos e ideias, empreendedorismo,  início de romance, e momentos de conexão com a paixão pela vida/projeto/momento.

Lua Vermelha - Deusas de Preservação: Hera, Ísis, Deméter e Gaia

Cautelosas, mantenedoras e muito cuidadosas, essas deusas se manifestam em nossas vidas em momentos de preservação da família, lar e casamento. Quando estamos em busca de nutrir aos demais.

Lua Negra - Deusas de Morte e Renascimento: Lilith, Kali, Hécate, Freya

Intuitivas, silenciosas e profundas, essas deusas se manifestam em nossas vidas em momentos de transformação, de mudanças bruscas, fechamentos de ciclos e autoconhecimento profundo. Quando precisamos ir além da nossa zona de conforto, na busca por encontrar o espaço de silêncio e cura dentro de nós.

Segundo Maju Canzi, cada mulher tem em si um pouco de cada uma dessas "fases lunares", e cada energia pode se sobressair em determinada fase da vida, evidenciando, também, ciclos maiores de desenvolvimento humano.



Saiba mais






Sobre Maju Canzi

Astróloga e Coach. Formada em Administração de Empresas, é criadora do Mulher Integral e da Terapia de Vênus, um programa de coaching holístico que já ajudou centenas de mulheres a potencializarem seus talentos e se desenvolverem na sua profissão, nos relacionamentos e na vida. É certificada em Meditação, Constelações Familiares, Florais, Kundalini Yoga, e estuda o desenvolvimento humano e as filosofias ancestrais desde 2009. Depois de viajar o mundo em busca de autoconhecimento, encontrou na Astrologia seu principal caminho.



Fonte: Maju Canzi




Adsense (Final dos Posts)