.

English German Spain Italian Portuguese Japanese

Aborto

| |

29 agosto 2011



Estima-se, que em todo o mundo, 46 milhões de gravidezes, terminam em abortamento a cada ano. Deste 46 milhões, 20 milhões (44%) são aborto feito de forma clandestina. O aborto é maior entre mulheres que já tem filhos.
De acordo com o documento, "Aborto e Saúde Publica 20 anos de pesquisas no Brasil", esse grupo é formado, em sua maioria por jovens entre 20 e 29 anos, com filho, e que tomaram essa decisão.
Em 1.999 á 2.000, foram registrados 6.301 mortes maternas no país. Dessas 8,5% (538) relacionadas a aborto. Os  dados referentes a esses 538 casos, indicam que meninas de até 15 anos aparecem com maior peso na mortalidade ( respondem por 14% dos obtidos por aborto). Nas internações por aborto, elas respondem por 1,2% dos casos.
Entre as 89 mortes por aborto analisados o dossiê revela que 62,9% das mulheres eram solteiras ou separadas, 73% apresentavam menos de 8 anos de estudo, 55% tinham 29 anos.
Os métodos de aborto conhecidos são : sucção ou aspiração, curetagem, droga ou plantas, envenenamento por sal, etc.
Não consigo entender, como alguém comete um crime como esse. Será que elas conseguem dormir a noite??? Aquele pequeno feto é um ser humano que já tem vida, então quem são eles para tira-la??..  Eles devem pensar, que aquele feto não passa de um monte de células.
Somos Anjos e Demônios, só temos que descobrir o que cada um trás dentro de si. Infelizmente a grande maioria trás os Demônios.

© JOANA D'ARC - 2017. Todos os direitos reservados. Template criado por Digital Mix Design.Tecnologia do Blogger.