.

English German Spain Italian Portuguese Japanese

Entrevista

| |

01 abril 2011

1-Então Joana,o que você gosta de fazer para se divertir?
   Há algum tempo eu costumava jogar truco,mas hoje em dia assisto filmes ou alguns programas de TV.Escuto musica,escrevo,e converso com familiares e amigos.Eu sou caseira.

2-Gostaria de contar um pouco sobre seus sonhos?
  Não sei o que acontece comigo,pois não consigo ter sonhos bons,só pesadelos.As vezes não lembro de nada,só que deitei na cama.Não sei o que é pior a insônia ou só ter pesadelos.

3-Você escreveu em seu blog que ainda sente que falata algo em sua vida,acredita que encontrára esse algom algum dia?
 Olha!!! Eu não sei ao certo o que falta,mas prometo que quando encontrar eu conto.

4-Uma pergunta bastante pessoal,você te em mente algum grande amor em sua vida?
 Sim.Amo meus pais,padrinhos,irmãs,sobrinho e o Guito.

5-Muitas pessoas no mundo sofrem de depressão ou angustia,você gostaria de dar alguma mensagem para elas?
  Eu já passei por isso e pensei que fosse ficar louca.Passei varias noites sem dormir,fiquei agressiva e não queria ver ninguém.Minha familia me levou ao psicologo que me indicou terapia em grupo.Confesso que fiz varias ligações ao CVV.Que é um trabalho humanitário que tem por objetivo a valorização da vida e a consequente preveção ao suicidio.Então se você precisa de alguem para conversar ou simplesmente te ouvir ligue 141.De mensagem quero deixar um pedaço do livro O vendedor de sonhos,que é assim: Há momentos que estamos sós,profundamente sós,no meio da multidão.Nesses momentos,não espere nem exija nada de ninguem.Só você não pode se abandonar.

6-Em seu blog você escreveu que busca informações de sua familia,quando encontrar elas pensa em escrever sobre isso?
 Quando conseguir as informações,vou pedir autorização aos meus familiares para publicar.Mas o que posso adiantar é que meus antepassados eram portugueses e indigenas,minha avó materna era medium, e teno um tio vidente.

7-Você é bastante jovem,você se vê como escritora no futuro?
 Eu sempre brinco que no futuro vou ser presidente do Brasil.Mas espero que no fututo eu seja uma escritora reconhecida pelo meu trabalho.

8-Em seus livros você trata de forma direta a temas bastantes maduros como preconceito e sofrimento,você sente que as pessoas aprenderão a lidar com esses problemas lendo seus livros?
 O proposito principal de meus livros é estimular o debate sobre assuntos importantes e acabar com a falta de informação.Sinceramente espero ter ajudado,isso me deixaria feliz.

9-Toda profissão tem seus desafios,como você vê os seus como escritora?
  No Brasil é muitodificil ser escritora desconhecida.Sempre que tento divulgar meus livros,ganho um não,lamento,não estamos interessados.Se eu tivesse um sobrenome famoso isso seriamais facil,eu encontraria varias portas abertas.

10-Escrever um livro nem sempre é tão simples,exige um grande tempo e muitas vezes dedicação fora do comum.Onde você encontra suas forças?
  Quando eu penso em escrever um livro,eu monto a historia mentalmente.Então depois é só colocar no papel,e só depois para o computador.E minhas forças vem dos meus principes Guilherme de 7anos e Allan Richard de 2 anos.Quando vejo o sorriso deles sei que se eu quiser eu consigo.

11-Em seu livro Arddhu você descreve uma relação bastante direta com a mediunidade.Você acredita que tem algum proposito superior?
 Acredito que todo ser humano nasce com um proposito.E que durante a vida alguns descobrem esse proposito e outros não.




                                         ENTREVISTA FEITA POR ALVARO OSVALDO

© JOANA D'ARC - 2017. Todos os direitos reservados. Template criado por Digital Mix Design.Tecnologia do Blogger.